Soninha é assaltada ao deixar subprefeitura de SP

Ex-vereadora saiu ilesa, não quis registrar boletim de ocorrência e citou o ocorrido em seu Twitter

RICARDO VALOTA, Agência Estado

11 de agosto de 2009 | 07h27

A subprefeita da Lapa, Soninha Francine (PPS), foi assaltada na noite de ontem numa rua próxima ao seu local de trabalho, na zona oeste de São Paulo. A pé, Soninha deixava a subprefeitura quando foi abordada por um adolescente armado com uma faca. O criminoso, segundo a assessora da subprefeita, exigiu o celular de Soninha, que conseguiu convencer o rapaz a desistir de levar o aparelho. O assaltante roubou um valor um pouco inferior a R$ 50.

 

Soninha, que saiu ilesa, não quis registrar boletim de ocorrência, mas citou o ocorrido em seu Twitter (rede social e servidor de micro-blogging que permite com que o usuário escreva mensagens de até 140 caracteres): "Hoje eu fui assaltada e caí da escada. Acho que já posso dormir."

Tudo o que sabemos sobre:
Soninhaassaltoadolescentefaca

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.