Sobrinho eleito com votos do tio perde cargo

O TRE do Rio anulou ontem por unanimidade a eleição para prefeito de Guapimirim (RJ), onde os eleitores votaram na reeleição do prefeito, Nélson do Posto (PTC), mas elegeram seu sobrinho, Júnior do Posto (PTC). Júnior substituíra o tio um dia antes da eleição, porque as contas do titular foram condenadas pelo Tribunal de Contas da União. Empossado com liminar do TSE, Júnior manteve todos os secretários da gestão anterior, à exceção da Secretaria de Governo, para a qual nomeou Nélson. Júnior perderá o cargo logo que a decisão for publicada. Só outra liminar do TSE poderá salvar seu mandato.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.