"Só se for um milagre" o Senado vota a CPMF, diz Tebet

O presidente do Senado, Ramez Tebet (PMDB-MS), afirmou que "só se for um milagre" o Senado conseguirá aprovar até o próximo dia 18 a prorrogação da CPMF, caso a Câmara não consiga votar a matéria esta semana. O comentário de Tebet foi feito após saber pelo líder do governo na Câmara, Arnaldo Madeira, que PFL decidiu não participar de votações esta semana."Desse jeito como nós vamos produzir", desabafou Tebet, lembrando a Madeira que há diversas matérias pendentes na pauta, inclusive medidas provisórias e projetos relativos à segurança pública. Madeira discutiu o problema também com o líder do governo no Senado, Artur da Távola (PSDB-RJ), e concluíram que o que se pode fazer no momento é continuar as conversas entre os líderes políticos.Madeira disse que não conversou com o presidente Fernando Henrique Cardoso sobre o assunto, pois quando soube da decisão do PFL o presidente FHC já havia embarcado para o Panamá.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.