MÁRCIO FERNANDES/ESTADÃO
MÁRCIO FERNANDES/ESTADÃO

Skaf evita falar se nomearia Ferreira Pinto para pasta

Candidato disse que pensará em equipe "no momento certo"

WLADIMIR DANDRADE E MATEUS COUTINHO, Estadão Conteúdo

06 de agosto de 2014 | 17h37

O candidato do PMDB ao governo do Estado, Paulo Skaf, evitou responder se considera Antonio Ferreira Pinto para a pasta da Segurança Pública caso seja eleito em outubro. "No momento certo vamos pensar na equipe", disse nesta quarta-feira o peemedebista, durante visita à sede do Departamento Estadual de Investigação Criminal (Deic), na capital paulista.

Ferreira Pinto chefiou a Secretaria Estadual de Segurança Pública durante as gestões tucanas de 2006 a 2012. Linha dura, ele enfrenta resistência da classe policial pela rigidez na fiscalização e na punição de policiais acusados de infrações na sua gestão. "Não tenho compromisso nenhum com cargos no meu governo", completou Skaf.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.