Dida Sampaio/Estadão
Dida Sampaio/Estadão

Skaf é lançado como pré-candidato do PMDB ao governo de SP

Anúncio foi feito pelo vice-presidente, Michel Temer; sigla está fora da administração estadual há 20 anos

Eliete Guedes, especial para o Estado e Aline Bronzati, Agência Estado

19 de outubro de 2013 | 13h45

TATUÍ - O vice-presidente da República, Michel Temer, reafirmou neste sábado, 19, seu apoio à candidatura do empresário e presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, ao governo paulista em 2014. Temer e Skaf participaram do 7º Encontro Estadual de Lideranças Municipais do PMDB, realizado em Tatuí, a 140 quilômetros de São Paulo.

Ao lado do presidente da Fiesp e do presidente estadual do partido, Baleia Rossi, Temer discursou para uma platéia de mais de 200 pessoas, entre prefeitos, vereadores e militantes. Ele comparou o atual partido com o antigo MDB. "O MDB significou uma revolução política e a partir da reorganização do PMDB vamos fazer uma nova revolução", afirmou.

Segundo Temer, o PMDB tem mais de mil prefeitos em todo o País e isso credencia o partido a lançar candidaturas próprias nos Estados.

Ele também reafirmou, durante seu pronunciamento, a necessidade de o PMDB se fortalecer em São Paulo. Ele lembrou que o partido está há 20 anos fora do governo do Estado, período em que a administração ficou nas mãos do PSDB. Mais cedo, em conversa com a imprensa, Temer disse que a conquista do governo paulista vai contribuir para o fortalecimento das bancadas do PMDB na Câmara e na Assembleia.

Em seu discurso, Skaf agradeceu ao PMDB a oportunidade de fazer parte do projeto do para "mudar São Paulo". Ele defendeu a necessidade de uma gestão eficiente, que resgate a valorização do Estado e sua capacidade de investir em setores necessários para a sociedade paulista, como educação e saúde.

O congresso organizado pela executiva do partido em São Paulo reuniu diversas lideranças do PMDB, deputados estaduais e federais, além de peemedebistas das regiões de Sorocaba e Campinas.

Tudo o que sabemos sobre:
PMDBSkaf

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.