Site de FPMR defende crime político

Em seu site, a Frente Patriótica Manuel Rodríguez (FPMR) publicou editorial "para a opinião pública nacional e internacional", no qual defende que o seqüestro de Washington Olivetto "reflete uma conduta conseqüente com uma opção ideológica e de vida".O movimento defende a conotação política do crime, afirmando que Mauricio Hernández Norambuena, que estava foragido, deixou "a liberdade conquistada" para "uma nova oportunidade para a luta com o inimigo do povo: o imperialismo."A Frente também criticou os Estados Unidos e "a política para sua minoria endinheirada": "Os Estados Unidos são uma potência que, por meio de seu Tratado de Livre Comércio, da Alca e do Plano Colômbia, pretendem colonizar os nossos países para aumentar seu domínio e sua riqueza." Eles afirmam que a ação continuará e "a luta que se perde é a luta que se abandona".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.