Sistema de visto para americanos deve continuar, diz Amorim

O ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, afirmou nesta quarta-feira que não vê possibilidade de uma revisão na política de reciprocidade adotada pelo governo brasileiro e no que se refere à suspensão do visto de entrada para os turistas americanos, reivindicada pelo ministro do Turismo, Walfrido dos Mares Guia. Segundo Amorim, desde que foi adotada essa política, não tem havido razão para que ela possa ser modificada. O ministro lembrou ainda que anos atrás a França adotou o mesmo tipo de comportamento e o Brasil aplicou a reciprocidade até que os franceses decidissem suspender a exigência de visto de entrada para turistas brasileiros. Quanto à reivindicação do ministro do Turismo, ele analisa a questão do ponto de vista da pasta que dirige procurando facilitar o ingresso de um maior número de turistas americanos no país que, sem dúvida, aumentaria a arrecadação de divisas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.