Sindicância investigará deputada do PFL

O corregedor-geral da Câmara, deputado Barbosa Neto (PMDB-GO), abriu hoje sindicância para apurar denúncias segundo as quais a deputada Laura Carneiro (PFL-RJ) teria participado de suposto desvio de dinheiro do INSS para enriquecimento pessoal e financiamento de campanha. A acusação foi feita pelo ex-marido da deputada, Luiz Etéreo Teixeira Ventura. A idéia do corregedor é convidar o ex-marido da parlamentar para prestar esclarecimentos na próxima semana. O processo de sindicância não tem prazo definido para ser concluído. A deputada tem prerrogativa para marcar dia, hora e local para prestar seu depoimento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.