Simon ameaça Sarney e Renan com Conselho de Ética do PMDB

O senador Pedro Simon (PMDB-RS), anunciou, em discurso no plenário, que acionará o Conselho de Ética do partido, contra os senadores José Sarney (PMDB-AP) e o presidente da Casa, Renan Calheiros (PMDB-AL), caso eles consigam evitar a realização das prévias da legenda, marcada para o dia 19. "As bases querem as prévias. A cúpula quer a prévia. Apenas Sarney, Renan e Suassuna (senador Ney Suassuna - PMDB-PB), querem manobrar para evitar as prévias", afirmou Simon. Ele disse que Renan e Sarney tentam reunir a Executiva do partido na próxima quarta-feira, para acabar com as prévias do PMDB. No dia 19, o PMDB vai decidir, nas prévias, o candidato do partido à Presidência da República. Disputam o ex-governador do Rio de janeiro, Anthony Garotinho e o governador licenciado do Rio grande do Sul, Germano Rigotto.

Agencia Estado,

10 de março de 2006 | 13h53

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.