Simão Jatene boicota reunião de Lula no Acre

O governador do Pará, Simão Jatene (PSDB), boicotou hoje a reunião convocada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva para discutir desenvolvimento regional. Convidado para o encontro com Lula e outros cinco governadores da Região Norte, ele preferiu permanecer emBelém. Por meio de sua assessoria, Jatene alegou a necessidade de reunir-se com subordinados para preparar proposta que apresentará ao Ministérioda Fazenda, na semana que vem, reivindicando compensações aos Estados exportadores - que perdem arrecadação com a Lei Kandir e a reformatributária enviada pelo governo ao Congresso. Num momento em que tenta somar apoios de todos os lados para garantir a aprovação das reformas tributária e da Previdência, Lula disse aosdemais participantes da reunião que Jatene faltara por ?motivos pessoais?. O governador paraense esteve com Lula na quinta-feira, emBrasília, e pediu para ser dispensado do encontro. Além da revolta com a proposta de reforma tributária que não prevê compensações a Estados exportadores como o Pará, Jatene estariainsatisfeito também com a nomeação do novo presidente do Banco da Amazônia, Amâncio Cordeiro, indicado pelo governador do Acre, JorgeViana (PT). No último dia 17, quando Cordeiro assumiu o cargo em Belém, Jatene também não compareceu à solenidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.