Severino Cavalcanti é um dos afetados pela Ficha Limpa

Em 2005, prefeito de João Alfredo renunciou ao mandato de deputado federal para escapar de cassação

ANGELA LACERDA, Agência Estado

16 de fevereiro de 2012 | 16h35

O prefeito do município pernambucano de João Alfredo, Severino Cavalcanti (PP), candidato à reeleição, é um dos políticos afetados pela Lei da Ficha Limpa. Ele renunciou ao mandato de deputado federal em setembro de 2005, quando envolvido no escândalo que ficou conhecido como "Mensalinho", para escapar de uma eventual cassação. Não poderia, portanto, concorrer à reeleição, pois estaria inelegível por oito anos.

Cavalcanti era presidente da Câmara dos Deputados, em 2003, quando foi acusado de receber propina de Sebastião Buani para permitir o funcionamento do restaurante do empresário nas dependências da Casa. Buani confirmou as denúncias.

Tudo o que sabemos sobre:
Ficha LimpaSeverino Cavalcanti

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.