Servidores da Justiça Federal suspendem greve em SP

Os funcionários da Justiça Federal de São Paulo voltaram hoje ao trabalho. Eles entraram em greve dia 5 e decidiram suspendê-la na sexta-feira, após o Supremo Tribunal Federal (STF) ter enviado para o Congresso projeto de plano de cargos e salários, uma das reivindicações da categoria.A principal exigência, entretanto, era a reposição salarial de 75,48%. Hoje, o Tribunal Regional Federal determinou a volta da contagem dos prazos judiciais, suspensos no início da greve.De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores do Judiciário Federal no Estado, no dia 25 haverá reunião dos servidores com o presidente do Supremo Tribunal Federal, Marco Aurélio Mello.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.