Servidor cadastra gato para receber benefício do Bolsa-Família

Eurico Siqueira da Rosa recebia o benefício do bichano e de mais dois filhos que não existem; ele foi exonerado

João Naves de Oliveira, de O Estado de S.Paulo

23 de janeiro de 2009 | 13h57

Billy, um gato com quatro anos de idade, foi cadastrado no Bolsa-Família como Billy da Silva Rosa, e recebeu durante sete meses o benefício do governo, R$ 20,00 por mês. A descoberta aconteceu quando o agente de saúde, Almiro dos Reis Pereira, foi até a casa do gatinho convoca-lo para a pesagem obrigatória no Posto de Saúde, conforme exigência do programa, e a dona da casa disse ao agente: "mas o Billy é meu gato". Ela não sabia que o marido, Eurico Siqueira da Rosa, coordenador do programa no município de Antônio João, a 377 quilômetros de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, divisa com o Paraguai, extremo sul do Estado, recebia o benefício do bichano e de mais dois filhos que não existem, mas recebiam mensalmente R$ 62,00 cada, desde o início de 2008 quando Eurico assumiu o cargo. O golpe foi identificado em setembro último, quando os três beneficiários estavam sendo convocados através da emissora de rádio da cidade, para comparecerem ao Posto de Saúde. Eurico ouviu o apelo e tentou consertar a fraude, retirou o Billy do cadastro e colocou o sobrinho Brendo Flores da Silva. Foi descoberto, exonerado no início desta semana a bem do serviço público, e está sendo acusado Ministério Público Estadual. O promotor de Justiça, Douglas Oldegardo Cavalheiro, disse que o servidor terá que devolver o que recebeu ilegalmente e está sendo denunciado ao Poder Judiciário, na condição de golpista. Nesta sexta-feira, a secretária municipal de Assistência Social, Neusa Garrilho, disse que a partir do próximo mês, será realizado recadastramento para verificar se existem novas fraudes. Antônio João possui 1.184 beneficiários do Bolsa-Família, e é um dos município mais pobre do MS.

Tudo o que sabemos sobre:
Bolsa-Família

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.