Serraglio diz, agora, que vai incluir Lula no relatório

O relator da CPI dos Correios, deputado Osmar Serraglio (PMDB-PR), disse que vai citar, sim, em seu relatório final sobre os trabalhos da CPI, o nome do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ele esclareceu que o nome de Lula vai aparecer porque depoentes ouvidos pela comissão, principalmente pelo ex-presidente do PTB e ex-deputado Roberto Jefferson (RJ), afirmaram que o presidente foi avisado do esquema do mensalão."Como não vou colocar que este fato - a existência de um suposto esquema de mensalão - foi levado ao presidente? Como vou esconder isso?" , questionou o deputado, em resposta à reação de governistas - e do próprio presidente - ao serem informados do propósito de incluir o nome de Lula no relatório.Serraglio adiantou, também, que vai incluir em seu relatório os nomes do presidente da Câmara, Aldo Rebelo (PCdoB-SP), e do ex-presidente da Casa João Paulo Cunha (PT-SP). Segundo o relator, Rebelo será citado porque, segundo depoimento de Roberto Jefferson, ele foi informado do esquema do mensalão, na época em que era ministro da Articulação Política, e não tomou providências. Já João Paulo Cunha entrará porque, informado do esquema de mensalão, chegou a abrir uma sindicância na Camara para apurar a denúncia, mas ela não deu em nada. O relatório final da CPI dos Correios deverá ser apresentado por Serraglio em meados de março.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.