Silvia Izquierdo/AP
Silvia Izquierdo/AP

‘Serra sai menor desta eleição’, diz Lula após votar em São Bernardo do Campo

O presidente ainda descartou a possibilidade de participar de um eventual governo Dilma

Rodrigo Alvares, SÃO PAULO

31 de outubro de 2010 | 10h39

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse neste domingo, 31, após votar em São Bernardo do Campo, na grande São Paulo, que o candidato tucano à Presidência, José Serra, “sai menor desta eleição” e descartou participar de um eventual governo Dilma.

 

“O Serra sai menor dessa eleição. A virulência do Serra em relação à companheira Dilma foi uma coisa inimaginável”, disse Lula, que votou pela manhã em uma escola de São Bernardo do Campo.

 

Questionado sobre sua participação em um eventual governo encabeçado pela presidenciável petista Dilma Rousseff, Lula foi taxativo: “Não existe nenhuma possibilidade de um ex-presidente fazer parte de um governo. A Dilma tem que fazer um governo com a cara dela.”

 

Lula também descartou voltar a se candidatar à Presidência em 2014. “Não cogito concorrer de novo, a Dilma vai tomar posse dia 1º de janeiro e eu não vou estar lá”, declarou. “Eu tenho certeza que ela vai fazer um  grande governo neste país.”

 

O presidente disse que pensa em viajar pelo Brasil após deixar o Palácio do Planalto e afirmou ter “muita coisa pra fazer pelo Brasil”. “Quero voltar  a viajar pelo País, não tem como desaparecer a minha relação com a sociedade”, observou.

 

Caso Tiririca

 

Lula comentou o caso do deputado federal eleito do PR Francisco Everardo Oliveira Silva, o Tiririca: “Acho uma cretinice o que estão fazendo com ele. É um desrespeito. As pessoas que querem que ele faça essa prova (para demonstrar que é alfabetizado) é quem deveria fazê-la”, disse o presidente.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.