Serra promete estimular turismo de compras

O candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo, José Serra, disse hoje que pretende estimular o chamado turismo de compras em São Paulo. Ele também prometeu mudanças visuais no bairro Bom Retiro, para caracterizá-lo como centro da comunidade coreana.

ROLDÃO ARRUDA, Agência Estado

26 de agosto de 2012 | 18h33

"Vamos providenciar equipamentos que o caracterizem como um bairro eminentemente coreano, da mesma forma como o bairro da Liberdade está hoje ligado ao Japão", afirmou. "A Prefeitura vai trabalhar nessa direção, no visual, com alegorias características da cultura coreana"

Serra fez as declarações durante uma visita à feira comemorativa do Dia da Cultura Coreana, na Rua Três Rios, no Bom Retiro. Ao lado do Doutor Kim, filho de imigrantes coreanos e candidato a vereador pelo PSD, o candidato lembrou que a cidade abriga cerca de 60 mil pessoas originárias da Coreia do Sul. "Eles chegaram, trabalharam muito e hoje têm um peso enorme na atividade comercial e industrial da cidade."

O Bom Retiro, que já se caracterizou como bairro da comunidade judaica e dos italianos, foi recentemente oficializado pela Prefeitura como um centro coreano. "São Paulo é feita de gente do mundo inteiro e isso é que dá a riqueza cultural da cidade", afirmou o candidato.

Ele também observou que o Bom Retiro integra o chamado circuito de compras de São Paulo, ao lado dos bairros vizinhos Santa Ifigênia, Pari e Brás. "É um circuito que recebe mil ônibus e cerca de 50 mil pessoas vindas de fora, todos os dias, para o turismo de compras", disse.

"Nós vamos investir neste circuito, para tornar as condições mais atrativas para as pessoas virem e comprarem. Isso gera emprego e desenvolvimento para a cidade. O Bom Retiro é o lugar da indústrias da moda, o Brás é o do vestuário e Santa Ifigênia, dos eletrônicos. A Rua 25 de Março tem um pouco disso tudo."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.