Serra, Maluf e Marta cancelam participação em debate da Globo

O PSDB de José Serra, o PT de Marta Suplicy e o PP de Paulo Maluf cancelaram participação no debate que a TV Globo realizará em 1.º de julho, às 11h, com os candidatos à Prefeitura de São Paulo. Em comunicado conjunto, entregue na última sexta-feira, as coordenações de campanha dos três partidos liberam seus candidatos para debates somente a partir de agosto, apesar do compromisso que haviam firmado com a emissora. Mesmo com a desistência dos principais partidos, a Globo confirmou a realização do debate, com a presença dos outros candidatos. Segundo a emissora, os partidos nunca haviam feito nenhuma objeção às datas negociadas: 1.º de julho e 30 de setembro. "A Globo não pode deixar de realizar o debate, para não prejudicar o público e os outros candidatos. É um compromisso nosso, desde o primeiro instante", explicou a emissora. O deputado Ítalo Cardoso, coordenador da campanha de Marta, disse que a agenda de campanha motivou a decisão. "Decidimos participar de debates somente em agosto por problemas de agenda. As três candidaturas adotaram a mesma medida por coincidência", afirmou o deputado. Indagado sobre a decisão, Maluf não respondeu: "Ninguém conhece São Paulo melhor do que eu e não tenho receio de qualquer debate. Mas quem marca a data do debate é a coordenação." A assessoria de Serra não comentou o assunto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.