Serra lamenta derrota da esquerda no Chile

O governador José Serra, possível candidato tucano ao Palácio do Planalto, lamentou hoje a derrota do candidato da esquerda, Eduardo Frei, nas eleições no Chile. "Torci para o Frei, não deu, perdeu, mas foi uma eleição limpa e desejo sorte ao novo presidente", disse.

SANDRO VILLAR, Agencia Estado

18 de janeiro de 2010 | 20h03

Em Taciba, interior de São Paulo, onde entregou 54 ônibus escolares, Serra evitou falar sobre eleição presidencial no Brasil.

Ao discursar para 1,2 mil pessoas, Serra disse que atende a todos os prefeitos sem olhar a cor da "camisa partidária". "A única camisa que me importa é a do Palmeiras", brincou, acrescentando que "não vejo ninguém na minha frente com a camisa do Corinthians".

Serra deixou Taciba e foi pata Palmital para inaugurar as novas instalações de uma escola técnica.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.