Serra faz campanha em Maceió ao lado de Vilela

Pré-candidato tucano à Presidência fez corpo-a-corpo com o eleitorado no centro da capital alagoana

Ricardo Rodrigues - Agência Estado

16 de abril de 2010 | 16h23

O ex-governador de São Paulo e pré-candidato à presidência pelo PSDB, José Serra, realizou campanha hoje em Maceió, ao lado do governador do Estado, Teotônio Vilela Filho (PSDB). Serra desembarcou na cidade por volta das 11 horas em um avião fretado. Do aeroporto Zumbi dos Palmares, ele seguiu direto de carro para a nova fábrica da Coca-Cola, no Conjunto Benedito Bentes, na periferia da capital alagoana. Depois de visitar as instalações da companhia de refrigerantes, Serra foi para o corpo-a-corpo com os eleitores alagoanos, numa visita ao Shopping Pátio Maceió, onde cumprimentou as pessoas, abraçou crianças, tirou fotos com jovens e distribuiu muitos apertos de mão.

 

Em entrevista à imprensa, ele evitou falar de temas polêmicos como o avanço dos conflitos agrários no governo do presidente Luiz Inácio da Silva e da subida da pré-candidata Dilma Roussef (PT) nas pesquisa. Serra disse que estava contente com a receptividade em Alagoas e que vai ajudar o Estado ainda mais caso seja eleito presidente da República.

 

O ex-governador disse ainda que compreende as dificuldades encontradas pelo presidente Lula e por mais que o petista tenha feito, muita coisa ainda ficaria por fazer. "Não posso deixar de reconhecer que houve avanços no governo do presidente Lula, mas é preciso avançar ainda mais nas políticas sociais", afirmou Serra.

 

Serra também reconheceu que apesar das divergências partidárias, o Estado de São Paulo - enquanto ele foi governador - numa foi discriminado pelo governo federal. "Fui governador de oposição e nem por isso recebi tratamento discriminativo do governo Lula", afirmou.

 

O tucano disse ainda que quando realizou as obras do anel viário (Rodoanel), que custaram cerca de R$ 5 bilhões, o governo federal entrou com 24% dos recursos. " Apesar da obra ter sido praticamente com recursos próprios do Estado, eu fiz questão de reconhecer a ajuda que o governo federal nós deu para construir o Rodoanel", afirmou.

 

O pré-candidato visitou ainda o Shopping Maceió, que fica na parte baixa da cidade. Ele aproveitou a passagem pela praça de alimentação e almoçou ao lado do governador Vilela, no restaurante Caboclo Faminto. Distraído, Serra quase saiu do restaurante sem pesar o prato feito com frango, arroz, batatas e salada.

 

Depois do almoço, o tucano continuou cumprimentando as pessoas no Shopping e tirando fotografias com eleitores. Por último, o ex-governador se dirigiu para o calçadão do comércio, no Centro da cidade, onde mais uma vez foi para o corpo-a-corpo com o eleitorado alagoano. No fim da tarde, o tucano retorna às São Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
SerraMaceióVilela

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.