Serra diz ter 'diferença de timing' com Aécio

"Eu e o Aécio temos timings diferentes." Foi com esta frase que o governador de São Paulo, José Serra, procurou explicar a razão da divergência que tem com o governador de Minas Gerais, Aécio Neves, sobre o momento para definição do candidato do PSDB à Presidência da República. Enquanto o mineiro faz pressão sobre o partido e o concorrente, na tentativa de forçar Serra a assumir logo a pré-candidatura, o paulista insiste em que não tem pressa. Serra afirmou que a conversa que terá com Aécio na sexta-feira, em Teresina (PI), não trará definição alguma.

AE, Agencia Estado

09 de dezembro de 2009 | 12h33

Serra e Aécio pretendem viajar no mesmo avião para o Piauí, onde haverá o último encontro temático do partido. A ideia é que no trajeto os dois discutam o impasse no prazo para definir o presidenciável. Tucanos ligados aos dois governadores duvidam que algo será resolvido. O tema escolhido para o evento foi infraestrutura.

"Será mais um encontro do PSDB, como tantos que fizemos no País", disse Serra, que esteve em Brasília, onde foi condecorado com a medalha da Ordem do Mérito da Defesa em solenidade no Clube dos Fuzileiros Navais. Segundo ele, não haverá candidatura tucana a presidente antes de março de 2010. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.