Serra diz que pretende aumentar diferença de votos no 2º turno

O candidato do PSDB à prefeitura de São Paulo, José Serra, que saiu na frente de sua oponente Marta Suplicy (PT) com uma diferença de quase oito pontos porcentuais no primeiro turno, disse na manhã desta segunda-feira, no programa "Bom Dia, Brasil", que ainda espera aumentar a diferença de votos no segundo turno.Ele adiantou que sua estratégia, no segundo turno, será a de "mostrar as diferenças existentes entre as candidaturas, a diferença que vai existir na administração de São Paulo", e continuar apresentando as suas propostas por toda a cidade, como já fez no primeiro turno.Serra admite que vai buscar apoios também de eleitores do candidato derrotado do PP, Paulo Maluf, e que vai conversar com eles. Mas ressaltou que quer, também, continuar conversando com seus próprios eleitores. "É importante que eles possam ter uma melhor idéia das coisas, aprofundar as propostas", afirmou. "Nós vamos fazer uma campanha positiva, propositiva e com muito respeito ao paulistano".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.