Serra diz que aprovação do Orçamento de SP foi positiva

O governador de São Paulo, José Serra (PSDB), considerou positiva a aprovação do Orçamento do Estado, na última quarta-feira, 28, pela Assembléia Legislativa, e disse que a peça atenderá às necessidades mais urgentes de sua administração. "Achei boa a aprovação, antes tarde do que nunca, a administração vai ficar mais fluida. Melhora, sem dúvida nenhuma, a execução (orçamentária)."Segundo ele, o Orçamento dá uma diretriz geral, por isso, será possível fazer suplementações para investir onde for necessário. "A situação econômica não é folgada, mas dá para atender as coisas mais urgentes", emendou. Ele acredita que alguns contingenciamentos contidos na peça orçamentária poderão ser afrouxados. Sobre as críticas feitas pelo PT, que classificou o orçamento com uma peça de ficção, Serra rebateu: "Quando se vê uma análise de números do PT, em geral é o oposto. Eles são especialistas em manipular: o número dos outros (é) contra e o número próprio a favor. É o kit PT."Ao comentar a redução de R$ 232 milhões dos recursos destinados para a área da Segurança Pública, do orçamento votado quarta pelo parlamento paulista, em comparação com o orçamento de 2006, o tucano justificou com o argumento de que a peça orçamentária não foi elaborada por sua gestão. Mas destacou que será possível remanejar os recursos para atender essa e outras áreas prioritárias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.