Serra defende união de forças contra o crime organizado

O pré-candidato ao governo de São Paulo José Serra (PSDB), disse nesta quarta-feira, em Limeira, que a violência em São Paulo não é culpa do governo estadual, do governo federal, da OAB nem do Judiciário. Segundo Serra, ela é fruto da ação do crime organizado. Ele afirmou que "o que a gente tem que fazer é juntar forças para enfrentar o crime organizado".Em uma reunião com lideranças do PSDB na região, Serra disse que o problema da violência é " muito grave" e que o partido fez esforços que devem ser registrados. Citou a queda do número de homicídios. Serra afirmou que segurança e saúde devem ser as grandes prioridades do PSDB na campanha.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.