Antonio Milena/AE
Antonio Milena/AE

Serra culpa governo federal e PT por antecipar debate eleitoral

Governador de SP e possível candidato em 2010 diz que discussão é prejuízo ao País e critica 'tititi de Brasília'

CAROLINA FREITAS, Agencia Estado

18 de maio de 2009 | 16h16

O governador de São Paulo, José Serra (PSDB), responsabilizou nesta segunda-feira, 18, o governo federal, comandado pelo PT, pela antecipação do debate eleitoral de 2010. Em discurso durante evento da secretaria estadual do Meio Ambiente, na zona sul paulistana, Serra condenou as discussões "precipitadas" sobre o próximo pleito.

 

"Um dos prejuízos enormes para o País da antecipação da campanha eleitoral é que provavelmente quando a gente terminar isso (o evento), os repórteres vão perguntar do tititi de Brasília", disse o governador. "O que vale mesmo é o tititi brasiliense, e não a questão ambiental", criticou.

 

Questionado durante a entrevista coletiva sobre quem seria o causador desse fenômeno, o governador respondeu: "O PSDB não é. Eu posso garantir. Se alguém antecipou o processo eleitoral do ano é do lado do governo (federal) e do PT."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.