Serra assina convênios com governo do Amazonas

Acompanhado do secretário-geral da presidência da República, Artur Virgílio Neto (PSDB), o ministro da Saúde, José Serra, assinou 69 convênios com o Governo do Amazonas. A cerimônia aconteceu na sede do Governo, com a presença do governador Amazonino Mendes. Após a cerimônia, Serra, Artur e Amazonino visitaram a obra de canalização de um igarapé na Zona Leste da cidade e foram, ainda, ao estaleiro Erin, onde estão sendo construídos 63 barcos a serem utilizados no Plano de Intensificação das Ações de Controle da Malária.Encerradas as visitas, a comitiva partiu para a sede da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), onde o ministro e o governador assinaram os temos de comodado para a cessão de equipamentos a oito municípios amazonenses: Macacapuru, Iranduba, Itacoatiara, Presidente Figueiredo, Coari, Humaitá, Fonte Boa e Parintins. Durante as solenidades, o ministro evitou falar de sucessão presidencial. Segundo ele, a visita ao Amazonas era para tratar de assuntos de saúde, não cabendo transformá-la em campanha política. "Quando for para tratar disso, voltarei ao Amazonas apenas com esta finalidade", afirmou.Serra volta a São Paulo no fim da tarde, mas Artur Virgílio Neto permanece no Amazonas onde inaugurará, amanhã, um hospital, um posto médico e um ginásio coberto, construídos com recursos federais, no município de Nhamundá, a 375 quilômetros de Manaus.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.