Serei sempre 'aluna do mundo', afirma Dilma

Frase escrita pela presidente em seu perfil no Twitter é feita depois da reação de Marina e Aécio à sua declaração de que adversários precisam 'estudar muito'

Lilian Venturini - O Estado de S.Paulo

15 de outubro de 2013 | 14h37

Um dia depois de afirmar que seus adversários precisam "estudar muito", a presidente Dilma Rousseff afirmou nesta terça-feira, 15, que será "sempre uma aluna do mundo". A declaração, feita em seu perfil no Twitter, ocorre depois também de a ex-senadora Marina Silva reagir com ironia à afirmação de Dilma e dizer que a presidente havia dado um "conselho de professora".

"Acredito que a gente nunca para de aprender. Aprendemos sempre, aprendemos com as outras pessoas, aprendemos estudando. Não acredito naqueles soberbos que julgam que nascem sabendo ou que já aprenderam tudo. Serei sempre uma aluna do mundo", escreveu Dilma em uma série de posts dedicados ao Dia do Professor, comemorado nesta terça.

Nessa segunda, em entrevista a rádios mineiras, Dilma evitou comentar o cenário eleitoral, mas afirmou que seus prováveis adversários em 2014 precisariam se preparar e conhecer os problemas do País.

Em resposta, Marina Silva, que se aliou ao projeto presidencial do governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), disse que o pior são aqueles que acham não ter mais o que aprender. O senador Aécio Neves, provável candidato do PSDB, também atacou a presidente e afirmou que a postura de Dilma foi de "candidata".

Tudo o que sabemos sobre:
dilmamarinaaécio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.