Seqüestrador de Silvio Santos tinha duas armas

O seqüestrador do empresário Silvio Santos, Fernando Dutra Pinto, portava duas armas quando foi rendido pela polícia, sendo uma delas uma pistola 380 e a outra um revólver 38, segundo o comandante geral da Polícia Militar, Ruy César Melo. "Acabou. A negociação foi muito difícil e bastante nervosa dos dois lados, e agora tudo está bem", disse. O assessor da Secretria Segurança Pública, Paulo Panayotis, afirmou que Silvio Santos só deve falar com a imprensa mais tarde, ou talvez amanhã. Ainda de acordo com o assessor, o secretário da Segurança Pública, Marco Vinício Petreluzzi, e o comandante geral da PM, Ruy César Melo, darão entrevista às 16h30 na nova sede da Secretaria de Segurança. A presença do governador Geraldo Alckmin não foi confirmada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.