Senadores instalam CCJ e fazem sabatina de Fux

Ministro deve ocupar a 11ª vaga do Supremo Tribunal Federal

Andrea Jubé Vianna, da Agência Estado

09 de fevereiro de 2011 | 13h42

Em meio à acalorada disputa pelo comando das comissões permanentes, os senadores instalaram na manhã desta quarta, 9, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), que será presidida pelo PMDB. A sabatina do ministro Luiz Fux, indicado para a 11ª vaga do Supremo Tribunal Federal (STF), foi agendada para 14 horas.

 

O senador Eunício Oliveira (PMDB-CE) foi eleito presidente da CCJ e o petista José Pimentel (CE), vice-presidente do colegiado. Até o momento, as lideranças acordaram o comando das duas principais comissões: além da CCJ, o comando da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), que será presidida pelo senador Delcídio Amaral (PT-MS). A CAE deve ser instalada na próxima terça-feira (15).

 

 

Uma reunião entre lideranças da base aliada realizada ontem à noite, no gabinete do líder do PMDB, Renan Calheiros (AL), para tentar liquidar o impasse sobre as comissões terminou sem acordo. O PT insiste em ficar com o comando da Comissão de Infraestrutura (CI), enquanto os demais líderes afirmam que, pela regra da proporcionalidade, o colegiado deve ficar com o PSDB.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.