Senadora tem mandato questionado no TSE

Três ministros do Tribunal Superior Eleitoral votaram pela rejeição do recurso e dois, pela cassação da senadora Rosalba Ciarlini (DEM-RN), mas o julgamento do recurso contra a expedição de seu diploma foi suspenso por pedido de vista. O TSE avalia se 64 aparições de Rosalba em cinco meses de 2006 foram abuso de poder econômico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.