Senadora diz que oposição não aceita acordo

A senadora Heloísa Helena (PT-AL) disse nesta quarta-feira, em Curitiba, que a oposição não aceitará nenhum acordo quevise salvar os mandatos dos senadores Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA) e Jader Barbalho (PMDB-PA)."A oposição nãoaceitará qualquer acordão nem em relação ao Senado, que infelizmente está sendo visto como covil dos ladrões toleradosdeste país, e nenhum acordão em relação à Comissão Parlamentar de Inquérito", afirmou.Como membro do Conselho de Ética do Senado, ela se negou a emitir opinião sobre a acareação prevista para esta quinta-feira, masdisse esperar o "esclarecimento da verdade". "É isso o que a Nação brasileira espera, porque não agüenta mais tantaimpunidade", afirmou.Segundo ela, o povo também exige a CPI da Corrupção. "O povo quer a investigação dos crimes contra aadministração pública, do tráfico de influência, exploração de prestígio, intermediação de interesses privados, tudo em que existeindícios relevantes de corrupção", enumerou.A senadora disse ser contrária à extinção de determinados órgãos - como a Sudam e a Sudene - "como se isso fosse apanacéia para resolver todos os males"."A Sudam, a Sudene, o Banco do Nordeste, as instituições públicas deste país,infelizmente foram longamente parasitadas pela elite político-econômica", acusou. "Não é a extinção que vai resolver oproblema."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.