Senador tucano quer que PF apure violação de sigilo de caseiro

O senador Álvaro Dias (PSDB-PR) apresentou requerimento à CPI dos Bingos para que a Polícia Federal seja acionada a iniciar um inquérito para identificar os responsáveis pela quebra ilegal do sigilo bancário de Francenildo dos Santos Costa, caseiro da mansão no Lago Sul que contestou a afirmação do ministro da Fazenda, Antonio Palocci, de que nunca esteve na casa, onde se reuniam ex-assessores do ministro supostamente para partilha de dinheiro suspeito. O senador do PSDB disse que cabe também à Caixa Econômica Federal, onde o caseiro possui conta bancária, apurar "a ilegalidade praticada por funcionários" da própria instituição. "Isso (o vazamento das informações bancárias do caseiro) revela o aparelhamento partidário da Caixa Econômica e a tentativa do governo de desqualificar o depoimento do caseiro", afirmou Álvaro Dias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.