Senador apresenta pedido de CPI sobre Lula e Okamotto

O senador Almeida Lima (PMDB-SE) protocolou nesta quinta-feira, na Mesa do Senado, um requerimento de criação de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para apurar "os fatos que envolvem o presidente Luiz Inácio Lula da Silva em que ele se beneficia de dinheiro de origem não esclarecida, manipulado por Paulo Okamotto, já no exercício da Presidência da República". O requerimento está assinado por 41 dos 81 senadores. Para que um requerimento de criação de uma CPI seja protocolado na Mesa, são necessárias as assinaturas de 27 senadores.Okamotto teria pago ao PT um empréstimo feito a Lula no valor de R$ 24.900. Segundo a revista Veja, Okamotto teria pago também dívida de R$ 25.000 contraída por uma filha de Lula, Lurian.Almeida Lima disse que, "com essa CPI, o presidente Lula terá oportunidade de mostrar que não tem responsabilidade, que não praticou nenhuma irregularidade no exercício da presidência".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.