André Dusek/AE
André Dusek/AE

Senado quer que Ana de Hollanda explique suposto favorecimento ao Ecad

Substituição da ministra da Cultura é esperada e alguns nomes aparecem como opções para o cargo

Julia Duailib - O Estado de S. Paulo,

13 de março de 2012 | 18h19

A Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado aprovou hoje convite para a ministra da Cultura, Ana de Hollanda, falar sobre denúncia de suposto favorecimento ao Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad), segundo matéria publicada pelo jornalista Jotabê Medeiros. O requerimento foi proposto pelo senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP).

 

Apesar de a aprovação ocorrer num dia após a troca do líder do governo na Casa, mostra a ausência de uma articulação no próprio PT para poupá-la. Ana de Hollada deve ser substituída. Carla Camurati, presidente da Fundação Theatro Municipal, do Rio, que conta com o entusiasmo do PMDB carioca, Danilo Miranda, diretor regional do Sesc de São Paulo, que conta com o apoio de setores do PT paulista, e Antonio Grassi, presidente da Funarte, são cotados para o posto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.