Senado empossa o vigésimo primeiro suplente da Casa

Numa rápida cerimônia, o Senado deu posse nesta quarta-feira (12) ao vigésimo primeiro suplente da casa. Trata-se de Sodré Santoro (PTB-RR), que ocupará o lugar do correligionário Mozarildo Cavalcanti. O titular tirou licença da Casa por quatro meses para cuidar de sua campanha para o cargo de grão-mestre da Maçonaria. A eleição ocorre em março do ano que vem.

RICARDO BRITO, Agência Estado

12 de dezembro de 2012 | 19h57

Com a posse de Santoro, a Casa terá um quarto dos senadores no exercício do mandato que não receberam um voto sequer. Na Casa, os suplentes de um senador eleito não são votados. Cada senador tem de incluir dois suplentes em sua chapa.

Paulistano e com 63 anos completados na semana passada, Santoro é leiloeiro oficial e na declaração de bens entregue à Justiça Eleitoral em 2006, ano da eleição da chapa, informou ter patrimônio de R$ 21 milhões. No discurso de posse, ele disse ser uma honra assumir o mandato de senador e destacou que lutará pela melhoraria das condições de vida da população e pelo desenvolvimento regional e nacional.

Tudo o que sabemos sobre:
Senadopossesuplente

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.