Senado deseja ouvir ex-assessores de Mantega

A Comissão de Fiscalização e Controle do Senado aprovou nesta terça-feira, 10, requerimento de convite para que os ex-assessores do gabinete do Ministério da Fazenda, Marcelo Fiche e Humberto Alencar, expliquem as denúncias de que teriam recebido propina em um contrato da Pasta.

RICARDO BRITO, Agência Estado

10 Dezembro 2013 | 11h13

Reportagem da Revista Época, publicada em novembro, afirmou que os dois teriam recebido recursos no contrato de prestação de serviço de assessoria de comunicação do ministério com a empresa Partners. A Polícia Federal abriu inquérito para investigar o caso e Fiche e Humberto, após período de férias, foram recentemente exonerados do cargo.

A Comissão também aprovou convite para ouvir uma ex-funcionária da empresa de comunicação Partners para prestar esclarecimentos sobre o ocorrido. Era ela quem, segundo a revista, fazia a intermediação dos repasses de dinheiro. Por se tratar de convite, os dois ex-assessores não são obrigados a comparecer ao Senado.

Mais conteúdo sobre:
Senado Partners depoimento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.