Senado aprova reposição das perdas do FGTS

O plenário do Senado aprovou no final da tarde desta quarta-feira, sem alterações, por 61 votos favoráveis e seis contrários, o projeto de lei que determina a reposição das perdas inflacionárias sofridas pelas contas vinculadas do FGTS.A aprovação do projeto foi assegurada por um acordo entre todos os partidos. O parlamentares dos partidos da oposição foram liberados para votar como quisessem, mas o líder do bloco oposicionista, senador José Eduardo Dutra, apesar de ter restrições ao acordo, anunciou voto a favor. Como não houve alterações no projeto, o texto será agora enviado ao presidente Fernando Henrique Cardoso para ser sancionado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.