Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Senado aprova CPI para investigar o MST

O líder do bloco governista no Senado, Tião Viana (PT-AC), afirmou que o governo não tentará impedir a criação de uma CPI para investigar possíveis irregularidades e abusos do Movimento dos Sem-Terra nas ocupações de terras. Embora tenha dito que o MST precisa ?de diálogo e não de investigação?, o líder petista comprometeu-se a indicar na semana que vem os senadores que representarão o PT na CPI proposta pelo líder tucano, senado Arthur Virgílio (AM). O requerimento de criação da CPI do MST, apoiado por 34 senadores, foi lido hoje no plenário. A leitura do requerimento da CPI significa, na prática, que a comissão já está criada. O próximo passo depende de os líderes indicarem o nome do 11 titulares e dos 6 suplentes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.