Sem-terra ocupam prefeitura no Mato Grosso do Sul

Um grupo de 200 sem-terra ligado a Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag), invadiu hoje o prédio da prefeitura de Novo Horizonte do Sul, a 345 quilômetros de Campo Grande. Vinte funcionários foram feitos reféns e serão liberados somente com a presença do prefeito Adilço José Scapin, que está viajando e volta nesta quarta-feira.Os invasores fazem parte de um grupo de 2 mil sem-terra que passou o dia realizando protestos no centro da cidade. Eles querem que o Incra impeça o desmatamento para extração de madeiras nobres na fazenda Someco com 18 mil hectares. Segundo os líderes do movimento, a situação voltará ao normal assim que a reivindicação for atendida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.