Sem-terra ligado a Contag bloqueam rodovia MS-306

Manifestantes estão acampados em 150 barracas de lonas plástica que armaram nas margens da MS-306

João Naves, de O Estado de S.Paulo

08 de outubro de 2008 | 16h32

Um grupo de sem-terra ligado a Contag  (Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura), bloqueou durante a manhã desta quarta-feira, 8, a MS-306, entre as cidades de Chapadão do Sul e Costa Rica, no Mato Grosso do Sul.  Os manifestantes estão acampados em 150 barracas de lonas plástica que armaram nas margens da rodovia no dia 30 de agosto de ano, e querem a desapropriação da Fazenda IACO, situada em Chapadão do Sul. A propriedade rural é de uma empresa agrícola que foi multada pelo Ministério do Trabalho em abril último, devido a irregularidades encontradas pelos fiscais do órgão, na contratação de mão de obra. O bloqueio começou por volta de 5h e terminou às 10h30m, com a decisão do Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária), de enviar para o local o ouvidor agrário Júlio César Trajano.  Logo após a suspensão do movimento, os sem-terra mataram uma vaca e realizaram churrasco na beira da estrada. "A vaca foi comprada pelos sem-terra", afirmou o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Chapadão do Sul, Antônio Perez Vergara.

Tudo o que sabemos sobre:
MST

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.