Sem-terra e servidores organizam ato em AL

Centenas de servidores públicos, sem-terra e profissionais liberais caminharam ontem pela orla de Maceió para protestar contra violência, impunidade, crime organizado e "inoperância" do governo de Alagoas. Desde o início do ano, as principais categorias do serviço público (educação, saúde e segurança pública) estão ou estiveram em greve. Além das bandeiras e faixas, os manifestantes carregavam cruzes, que simbolizavam as mortes de trabalhadores no campo e na cidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.