Sem-Terra chegam a Florianópolis para exigir reforma agrária

Protesto faz parte da Jornada Nacional de Luta pela Reforma Agrária e reuniu cerca de 350 membros do MST

da Redação,

29 Julho 2008 | 21h53

Cerca de 350 integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST) chegaram nesta terça-feira, 29, à Florianópolis, e montaram acampamento na Assembléia Legislativa, segundo informações do site do movimento.   Entre as reivindicações, está o assentamento de 140 mil famílias, a liberação dos recursos do Programa Nacional de Educação da Reforma Agrária (Pronera). O protesto faz parte da Jornada Nacional de Luta pela Reforma Agrária.

Mais conteúdo sobre:
MST reforma agrária

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.