Sem-terra ameaçam invadir Carajás

A ferrovia de Carajás (PA) deve ser invadida pelo Movimento dos Sem-Terra até amanhã, segundo lideranças da entidade. A ocupação dependerá da mobilização dos sem-terra e assentados na região. Dez caminhões estão sendo usados no transporte dos trabalhadores. A previsão é reunir 4 mil manifestantes para marcar, com o fechamento da ferrovia, os 12 anos do massacre de Eldorado dos Carajás, quando 19 sem-terra morreram. A Polícia Militar deslocou 100 homens para Parauapebas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.