Sem citar Dilma, Roseana promete realizar 'melhor governo da vida'

Em discurso rápido, a governadora não fez referência ao governo federal

Wilson Lima,

01 de janeiro de 2011 | 09h41

A governadora reeleita do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB), prometeu durante a solenidade de posse realizar o "melhor governo da história" do Estado. Essa é a quarta vez que Roseana assume o poder executivo estadual maranhense. As outras vezes foram em 1995, em 1999 e em 2009, após a cassação do ex-governador Jackson Lago (PDT). Em 2010, Roseana venceu as eleições em primeiro turno com 50,08% dos votos válidos.

 

Em um discurso rápido, com aproximadamente três minutos, Roseana não fez citações ao governo federal ou à presidente eleita Dilma Rousseff (PT). Do outro lado, ela agradeceu aos maranhenses pela quarta oportunidade de comandar o Estado e também a familiares, correligionários políticos e colaboradores de campanha. "Ele (o 4º mandato) tem uma simbologia especial para mim. É a quarta vez que o povo me concede essa honraria pelo voto direto. Confiança no futuro, credibilidade, honestidade e muito trabalho, são as marcas das minhas administrações", disse Roseana.

 

Roseana Sarney afirmou que pretende, nesse que deve ser seu último mandato de governadora do Maranhão, consolidar projetos já implantado se ampliar os programas sociais do governo maranhense a "todos que ainda precisam de ajuda". Ela também citou como meta investir na educação para preparar jovens para "as grandes oportunidades que estão surgindo", em referência à construção da Refinaria Premium em Bacabeira e a possibilidade de exploração de gás, pelo grupo EBX, do empresário Eike Batista. "Hoje, começou outra jornada. O povo maranhense decidiu, ainda no primeiro turno da última eleição, dar um outro mandato a sua governadora. Reafirmo o meu compromisso de campanha. Farei o melhor governo da minha vida. Sei que é isso que os maranhenses esperam", sintetizou Roseana.

 

A solenidade de posse de Roseana ocorreu durante a madrugada deste sábado, dia 1º, na Assembleia Legislativa do Maranhão. A posse de Roseana foi marcada para às 1h30 (horário de Brasília), mas foi iniciada com aproximadamente 30 minutos de atraso. Roseana Sarney escolheu a madrugada como horário da solenidade para poder acompanhar a posse de Dilma Rousseff (PT) na tarde deste sábado.Essa foi a segunda vez que Roseana assumiu o governo pela madrugada. Em 1999, Roseana Sarney também tomou posse de madrugada. Roseana também deu posse aos novos secretários de Estado. Durante a cerimônia, o presidente do senado, José Sarney (PMDB), esteve ao lado da governadora reeleita do Maranhão.

 

Tudo o que sabemos sobre:
Possesgovernadoresposses nos estados

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.