Seis integrantes do MST foram presos no Pontal

Seis integrantes do Movimento dos Sem-Terra (MST) foram presos, nesta quinta-feira, no Pontal do Paranapanema, sob acusação de furto, constrangimento ilegal e formação de quadrilha. O mandado de prisão foi expedido pela Justiça de Euclides da Cunha Paulista e inclui outros 12 sem-terra vinculados ao MST, entre eles o líder José Rainha Júnior, que saiu recentemente da prisão.Rainha havia sido preso no dia 25 de abril em uma barreira policial por estar levando no carro uma escopeta calibre 12. Nesta quinta, ele não estava no Pontal, segundo informaram familiares. Até o fim da tarde tinham sido detidos Alcides Gonçalves, Américo de Azevedo, Edmilton Gomes, Edson de Souza, José Guilherme dos Santos e Rosenilda de Oliveira.Eles foram levados para a delegacia seccional de Presidente Wenceslau. A coordenação regional do MST não tinha, até a noite desta quinta, informações sobre o motivo das prisões. A polícia de Euclides da Cunha informou que os crimes estavam relacionados à invasão da Fazenda Guaramiranga, localizada no município.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.