Segunda acusação contra De Sanctis é arquivada

O Órgão Especial do Tribunal Regional Federal (TRF) da 3.ª Região também decidiu agora à noite pelo arquivamento do procedimento disciplinar proposto contra o juiz Fausto Martin De Sanctis durante a Operação Satiagraha.

FAUSTO MACEDO E ANNE WARTH, Agencia Estado

30 de abril de 2009 | 23h09

Ele foi acusado de ter desobedecido o habeas corpus concedido pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, ao banqueiro Daniel Dantas, cuja prisão preventiva fora decretada durante a Operação Satiagraha. Após Dantas deixar a prisão, De Sanctis determinou uma segunda prisão preventiva do banqueiro.

Na suposta afronta a Mendes, o veredicto foi apertado - por 8 votos a 6, a corte decretou arquivamento. De Sanctis não fez declarações, mas demonstrou alívio ante a decisão que lhe permite continuar sua rotina na 6.ª Vara Criminal Federal, da qual é titular.

Tudo o que sabemos sobre:
JustiçaDe SanctisTRFSatiagraha

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.