Secretários e vereadores são presos em Fundão-ES

A Polícia Civil prendeu hoje 12 pessoas durante uma operação conjunta com o Ministério Público para combater fraudes na administração do município de Fundão, no Espírito Santo. Entre os presos estão secretários, vereadores e empresários da cidade. Eles são acusados de desviar verba dos royalties do petróleo e participarem de um esquema de fraudes em licitações.

PRISCILA TRINDADE, Agência Estado

27 Maio 2011 | 12h23

Segundo o delegado Danilo Bahiense, superintendente de Polícia do Interior, foram cumpridos todos os mandados de prisão, além dos 26 mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça. Foram presos os secretários de Saúde, Educação, Turismo, Administração e Obras, além da controladora-geral do município, o diretor de transporte escolar e o sub-secretário de Administração. A operação também prendeu dois empresários e dois vereadores. A ação contou com 115 policiais civis e militares.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.