Secretário pede exoneração para votar em Inocêncio

Em uma reação de última hora, os articuladores da campanha do deputado Inocêncio Oliveira à Presidência da Câmara dos Deputados trouxeram para Brasília o deputado liceniado Eduardo Paes, que reassumiu hoje seu mandato depois de pedir exoneração do cargo de secretário municipal do Meio Ambiente do Rio de Janeiro. "Estou secretário mas sou deputado e vim votar no meu líder Inocêncio Oliveira", declarou. Hoje à noite, Inocêncio recebe o apoio de aliados PPB , entre eles o governador de Santa Catarina, Espiridião Amim, o ex-governador Paulo Maluf e o deputado Delfim Neto num coquetel na casa do deputado Luciano Castro (RR). Os três confirmaram presença no encontro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.