SBPC espera que Brasil saia "puro" da lavagem de roupa suja

Apresidente da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), Glaci Zancan, espera que a crise no Senado "ajude oBrasil a ser purificado".Ela presidiu a sétima reunião especial da SBPC em Manaus, Amazonas, que tratou sobre Amazônia noBrasil e no Mundo e terminou nesta sexta-feira."Esperamos que o País saia purificado da lavagem de roupa suja que estáacontecendo no Senado", disse ela.Glaci Zancan preside a SBPC há quase dois anos e é professora de bioquímica da Universidade Federal do Paraná e doutora,também em bioquímica, pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.