Saúde proíbe venda de leite Parmalat datado de julho

A Secretaria estadual de Saúde proibiu hoje a venda do lote SHF 1320 do leite desnatado, Parmalat, fabricado em primeiro de julho deste ano e com validade de quatro meses. Amostra do leite coletada pela Fiscalização Sanitária do município do Rio e analisada pelo laboratório Noel Nutels apresentou resultado insatisfatório quanto aos ensaios de características sensoriais. O produto alimentício é produzido pela Parmalat Brasi l - Indústria de Alimentos, instalada em Santa Helena de Goiás.O secretário estadual de Saúde, Gilson Cantarino, também proibiu a comercialização do lote 01, do leite em pó integral, marca Pink, fabricado em 24 de abril deste ano, e com validade de um ano. O alimento é produzido em Belo Horizonte (MG) pela Pink Alim entos do Brasil. Análise da amostra constatou matérias estranhas no leite. As informações são da Agência Brasi.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.