Sars mata duas pessoas no Canadá

O Canadá informou hoje que duas pessoas morreram no Domingo por causa da Síndrome Respiratória Aguda Severa (Sars, na sigla em inglês). Os mortos são uma mulher de 66 anos e um homem de 63. Com isso, o país soma 33 mortes. O país tinha controlado a doença, mas um novo surto do vírus reapareceu no fim de maio. Segundo o governo, novas mortes devem ocorrer já há pacientes internados em estado grave. Em Taiwan, quatro novos casos da pneumonia asiática foram confirmados. No momento, 87 pessoas estão em quarentena. A ilha, terceiro lugar mais afetado pela doença, tem 81 mortos e registrou 680 casos. Na China, país com o maior números de casos, uma morte e nenhum caso foi registrado nesta segunda. Cerca de 5.300 foram infectadas e 340 pessoas já morreram em toda a China. Em segundo lugar no ranking da doença, Hong Kong teve uma morte e um novo caso. Agora, são 288 mortos e 1.753 infectados em Hong Kong.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.